Plantão Policial

Queda de armário pode ter matado jovem de 21 anos em hotel

Uma jovem britânica de 21 anos, moradora da cidade de Pwllheli, no Reino Unido, foi encontrada morta em um hotel no centro de Liverpool.

A polícia investiga a hipótese de sua traqueia ter sido esmagada por um armário que não estava bem preso na parede do quarto onde estava hospedada e que caiu sobre ela. 

Chloe Haynes foi encontrada morta, no dia 10, sob um armário antigo e pesado, em um quarto do Adelphi Hotel, por uma amiga que dividia o quarto com ela.

Segundo apurou o tabloide britânico Mirror, a mãe de jovem, Nicola Williams, 49, afirmou em postagens nas redes sociais que a filha havia morrido depois que um guarda-roupa, que "não estava parafusado direito na parede" caiu sobre

"Chloe saiu de Pwllheli por volta das 19h40, com alguns amigos, e eles foram para o Adelphi, havia algum tipo de festa de noivado ou algo assim.

À meia-noite, ela estava bebendo em um bar com as amigas e ficou um pouco bêbada, então sua amiga a levou de volta ao hotel para dormir, e depois voltou para o bar", declarou a mãe. 

"Parece que ela se levantou da cama confusa, sem saber onde estava, e abriu a porta do guarda-roupa, talvez pensando que fosse a porta do banheiro ou a porta do quarto. Era um guarda-roupa grande, velho e pesado e ele caiu em cima dela e esmagou sua traqueia".

Nicola disse que a amiga da filha voltou ao quarto nas primeiras horas da manhã quando foi encontrou