• Plantão Recôncavo News

    terça-feira, 27 de junho de 2017

    A última noite de festa junina em Santo Antonio de Jesus contou com nove atrações no Palco Principal

    A última noite do Maior e Melhor São João da Bahia teve nove cantores no palco principal, por isso os festejos começaram mais cedo neste domingo (25), às 18h, com o ex-participante do The Voice Kids, Brunno Pastori. O cantor, que é natural de Santo Antônio de Jesus, entoou sucessos da atualidade como “K.O” e “Você partiu meu coração”. Durante a apresentação, Brunno levou uma fã para cantar com ele no palco e agradeceu o carinho do povo da sua terra natal. 

    A banda Selo de Amor veio em seguida, cantando músicas de artistas consagrados de diversos ritmos. Depois foi a vez de Joyce França subir ao palco com seu balé e colocar todo o público para dançar, ao som de “Vai namorar comigo sim”, “Vidinha de balada” e novidades do seu mais recente CD, como “Meu Xodó” e “Louca pra te amar”. A dupla Lukas & Gustavo chegou em SAJ com o show do CD Bebendo Todas e misturando sucessos do sertanejo e do arrocha. O repertório bastante diversificado e alegre colocou o público, estimado em 100 mil pessoas, para dançar na praça central. O Trio Nordestino chegou fazendo o público dançar o “verdadeiro forró”, como eles dizem. Em coletiva com a imprensa, os forrozeiros elogiaram a estrutura do São João de SAJ. 

    “É realmente o melhor São João da Bahia, talvez até do Nordeste, pois a estrutura e a organização estão impecáveis. A melhor que vimos!”, disseram os músicos. Tayrone, a atração mais esperada da noite, subiu ao palco à 1h e colocou o público para cantar os sucessos da sua carreira: “Dez dias”, “Bipolar”, “Guardinha da blitz” e “Vai ter troco”, entre outras. Mas a surpresa da noite foi o cantor chamar o prefeito Rogério Andrade para dançar. O administrador aceitou o convite e arrochou ao lado de Tayrone. Sucessos da música sertaneja atual foram a aposta da cantora Mara Ribeiro: “Loka”, “Você Faz Falta Aqui” estiveram no repertório da cantora. O grupo Pancadão Baiano, formado por transexuais e travestis de Cruz das Almas, participou da apresentação de Mara, cantando e dançando ao som de Pabllo Vittar. Uma forma de ressaltar a diversidade. 

    Genard preparou o público para o final da festa, tocando hits dos anos 90 e 2000, como “E o vento levou” e “Toc Toc DJ”. Para fechar com chave de ouro a maratona de cinco dias de festa a banda Mastruz com Leite tocou um sucesso atrás do outro, com seus cinco cantores, como “Saga de um vaqueiro”, “Maria tá peneirando”, “Meu vaqueiro, meu peão”. SÃO JOÃO DE SAJ EM NÚMEROS 5 dias de festa,180 horas de shows, 31 atrações nos palcos principais, 73 atrações nos outros espaços, 30 mil metros quadrados de área ocupada, 8 toneladas de equipamento.