Plantão Policial

Veja novo valor do Salário-família em 2023; veja se você pode receber

Quem recebe salário família vai aumentar um pouco em 2023! Aliás, o novo valor do subsídio já foi formalizado por portaria interministerial. O documento também formaliza o reajuste dos benefícios do instituto Nacional do seguro Social (INSS). Atualmente, o limite para aposentados e pensionistas é de 7.507,49 reais.

Segurados que ganham até R$ 1.754 e são elegíveis à cota de assistência à família Agora ganhe R$ 59,82 por filho de até 14 anos ou deficiente independente da idade. Vale lembrar que no ano passado o mesmo benefício é de R$ 56,47 para quem tem renda bruta igual ou inferior a R$ 1.655,98.

Por fim, é importante ressaltar que a legislação considera deficiencia a inabilidade física ou mental que impossibilita o trabalho, mantendo a criança na condição permanente de dependência dos pais. Outro fator de destaque é que, em síntese, se pai e mãe ganham menos de R$ 1.754,18, ambos podem receber o valor de cada filho

O INSS é um direito do empregado incluindo assalariados domésticos e assalariados temporários. O cálculo é feito com base no número de filhos ou equiparados (enteados ou menores sob tutela) que o trabalhador tem.

Além disso, a criança deve ter menos de 14 anos ou ter algum tipo de deficiência permanente. No segundo caso, a inabilidade do dependente deverá ser comprovada por meio de exame médico realizado pelo INSIS.

Os pensionistas que criam filhos menores de 14 anos também se beneficiam disso. No entanto, neste caso, os homens devem ter mais de 65 anos e as meninas mais de 60.

A reforma da Previdência Social, por meio da reforma constitucional nº 103/2019, estabelece que há um valor único para o abono de família. Antes, os valores variam de acordo com a faixa salarial do segurado.

Com base no Índice Nacional de preços ao comprador (INPC), o benefício é reajustado anualmente em 1º de janeiro. resumindo, no ano passado a cotação fechou em 5,93 % e valia R$ 59,82 por ação em 2023.

pré-requisitos para Solicitar benefícios Familiares Você deve atender a alguns pré-requisitos, são eles:

Você deve ter um filho menor de 14 anos ou com deficiencia (qualquer idade); A remuneração mensal é inferior a R$ 1.655,98; Apresentar documentos pessoais, carteira de vacinação ou equivalente para dependentes menores de seis anos e comprovante de escolaridade para filhos de 7 a 14 anos. Finalmente, é importante observar que, para estender sua elegibilidade para benefícios todos os anos, em novembro A carteira de vacinação é exigida para dependentes até 6 anos de idade. A certidão de matricula deve ser apresentada duas vezes ao ano, nos meses de maio e novembro.

No caso de segurados com 2 ou mais funcionários, será considerada a remuneração mensal total para determinar se os funcionários têm direito aos benefícios.

No entanto, ao solicitar benefícios de bem-estar familiar Os funcionários não devem se inscrever no INSS. O princípio norteador é Os assalariados incluindo assalariados domésticos, reivindicam benefícios diretamente de seus empregadores. Envie a requisição diretamente ao sindicato ou autoridade trabalhista.

A reclamação só deve ser feita diretamente ao INSS se o empregado receber auxílio-doença, pensão por invalidez ou morar em zona rural.