Plantão Policial

Polícia Federal faz operação contra financiadores de atos terroristas


A Polícia Federal deflagrou, nesta sexta-feira (20), a primeira fase da operação Lesa Pátria, que mira financiadores e participantes de atos terroristas ocorridos em Brasília, em 8 de janeiro.

A ação foi ordenada pelo Supremo Tribunal Federal, que expediu oito mandados de prisão preventiva e 16 de busca e apreensão. As ordens são cumpridas no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, e Mato Grosso do Sul.

Até as 8h30, quatro alvos tinham sido presos. São eles:

- Ramiro Alves Da Rocha Cruz Junior, conhecido como Ramiro dos Caminhoneiros;

- Randolfo Antonio Dias

- Renan Silva Sena

- Soraia Bacciotti

Os alvos são investigados pelos seguintes crimes:

- abolição violenta do Estado Democrático de Direito;

- golpe de Estado;

- dano qualificado;

- associação criminosa;

- incitação ao crime;

- destruição;

- deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido.

Veja quantos mandados são cumpridos por unidade da federação:

- Distrito Federal: 5 de busca e apreensão e 2 prisões

- Goiás: 1 busca e apreensão

- São Paulo: 7 busca e apreensão e 3 prisões

- Rio de Janeiro: 1 busca e apreensão e 1 prisão

- Minas Gerais: 1 busca e apreensão e 1 prisão

- Mato Grosso do Sul: 1 busca e apreensão e 1 prisão