Plantão Policial

Influenciadora que cometeu suicídio foi chantageada com vídeo íntimo antes de morrer; Veja vídeo

Suspeito foi preso por crime contra a dignidade da mulher por meio da internet

A família da influenciadora Luma Bonny descobriu que ela havia sido chantageada. Dois dias antes da jovem se jogar de um edifício, em Belém, foi divulgado um vídeo íntimo em que ela sofre abuso.

Maurício Mendes Rocha Filho foi preso sob suspeita de crime contra a dignidade da mulher por meio da internet. Segundo a Polícia Civil, a influencer paraense Luma Bonny, de 23 anos, tirou a própria vida no mês passado, depois que o suspeito divulgou vídeo íntimo dela nas redes sociais. A acusação não é a única contra ele. 

"Nós descobrimos que ele também teria divulgado vídeos íntimos de uma outra ex-namorada e ameaçado uma terceira ex-namorada também", afirma a delegada Lua Figueiredo. 

A família de Luma diz que ela e Maurício eram apenas conhecidos. Os vídeos foram feitos após um evento numa chácara.

"Ele embebeda, droga, violenta. Ele posta a cena dele abusando dela, abusando da minha filha! Ela apagada, covarde! Aí ele apaga depois, mas o comparsa já guardou os vídeos, aí eles espalham", diz o pai de Luma, Bony Monteiro.

Um áudio que circula nas redes sociais é atribuído a um cúmplice de Maurício: "até eu ser processado, julgado, vai demorar uns cinco anos. Aí, depois que a foto dela já tá toda espalhada, a vida dela tá arruinada, eu vou lá e pago a indenização da menina". 

Maurício teria exigido dinheiro para não divulgar mais imagens. A reportagem procurou a família do acusado, que não quis se manifestar.  

O suspeito teve a prisão preventiva decretada. Pela legislação brasileira, publicar ou divulgar, por qualquer meio, fotografia ou vídeo que contenha cena de estupro e sexo e nudez sem consentimento da vítima pode levar à pena de um a cinco anos de prisão. 

A irmã mais velha de Luma, Luara Bonny, pede justiça: "a Luma tava aqui pra ajudar, ela só queria ajudar, e como ela ajudava muito, ela achava que ninguém tinha maldade, que todo mundo ia ajudar ela, era de uma inocência indescritível".

A mãe da influencer, Lucilla Venâncio, fala da dor de perder a filha: "muita saudade. Era uma luz na minha vida, uma criança mesmo com 23 anos. ela ainda era muito animada, a gente conseguia rir muito com os vídeos né?".

Fonte: SBT News