Plantão Policial

Brasileiro mata ex e espera polícia bebendo cerveja, diz polícia

O brasileiro Leandro Cassimiro, 38, foi acusado pelo Ministério Público de Portugal de ter assassinado a ex-mulher Lucília Brandão, 53, em Arcos de Valdevez.

 Segundo a denúncia, ele a estrangulou, acionou a polícia e aguardou bebendo cerveja, em março.

Término foi motivação. A suspeita é de que o brasileiro decidiu assassinar a ex ao saber que ela estava namorando outra pessoa, após o fim do casamento entre eles.

Cassimiro tentou flagrar o casal junto, portando duas facas, mas Lucília estava sozinha, estendendo roupas.

Lucília escapou de dois ataques. Ela reagiu a um mata-leão e a uma tentativa de ser esfaqueada. Ao tentar desarmá-lo pela terceira vez, ela acabou estrangulada e morta.

Leandro e Lucília foram casados por mais de dez anos e ela deixa três filhos, segundo o jornal português Correio da Manhã

Cassimiro está em prisão preventiva.

Fonte: Uol Notícias