Plantão Policial

Criança de 11 anos morre após ser agredida por colega de escola

O pai descobriu que a criança havia sido vítima de agressões físicas, praticadas por um colega da escola, que fazia parte do time handebol e também a ofendia moralmente com palavras de baixo calão.

m menino de 11 anos morreu neste sábado (22) após ser agredido por um colega da escola onde estudava em Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus).

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), registrado na 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), o pai da vítima informou que, na última terça-feira (18) o filho saiu para participar de um torneio de handebol escolar sem seu conhecimento, e, ao retornar, reclamou de dores na perna e foi levado à uma unidade hospitalar do município.

Conforme o BO, foi realizado um exame de raio-x no tornozelo da criança, mas não foi constatada nenhuma fratura.

Com a persistência das dores e do inchaço no corpo do menino, na sexta-feira (21), o pai conversou com o filho e descobriu que ele havia sido vítima de agressões físicas, praticadas por um colega da escola, que também fazia parte do time, e a todo momento o ofendia moralmente com palavras de baixo calão.

Ainda conforme o registro policial, o menino dormiu um pouco e, ao acordar, seu tio o levou ao banheiro, onde a criança desmaiou e, em seguida, foi levado novamente para um hospital, onde chegou morto.

De acordo com dados do relatório do exame de autópsia divulgados pelo Instituto Médico Legal (IML), a criança apresentava edema cerebral, hemorragia craniana, traumatismo craniano causados por ação contundente.

O caso deve ser investigado pelo 31º DIP de Iranduba.