Plantão Policial

Homem é suspeito de matar esposa estrangulada enquanto filhos dormiam em quarto ao lado


Um homem é suspeito de matar sua esposa, de 41 anos, mãe de quatro filhos, em Planaltina, no Distrito Federal. O crime ocorreu na manhã deste domingo (20).

De acordo com a Polícia Militar, Silvestre Pereira teria ligado para o irmão confessando o crime. "Fiz merda", disse ele na chamada, segundo a PM. 

Ainda na ligação, Silvestre teria dito ao irmão que iria tirar a própria vida. Apesar da tentativa, ele foi encontrado a tempo e levado a um hospital. 

A PM relata que uma viatura realizava rondas pela região quando foi abordada por quatro pessoas, entre elas o irmão de Silvestre. 

Os agentes foram até a residência do casal e bateram diversas vezes no portão, mas sem resposta. A equipe precisou arrombar a entrada da casa e, ao acessar o local, encontraram Joanna Pereira dos Santos morta, estrangulada. 

Já Silvestre estava ferido e com uma faca ao seu lado. Os filhos do casal, que têm entre 6 e 17 anos, estavam dormindo no quarto ao lado. Eles foram retirados da casa e entregues aos cuidados de uma tia.

“Observou-se que havia duas pessoas deitadas na cama desacordadas e uma faca ao lado do possível autor, sujas com sangue. Diante da situação, foi acionado o Bombeiro Militar para local, que no atendimento constatou um óbito feminino. Houve a necessidade de remoção ao Hospital Regional de Planaltina do cidadão masculino, que aparentemente teria atentado contra a própria vida", informou a PM.

O caso foi registrado na 16ª Delegacia de Polícia, mas será investigado na 31ª DP. 

Motivações

A motivação do crime ainda é investigada, mas, de acordo com o UOL, o delegado Fabricio Paiva comunicou que não descarta que Silvestre Pereira estava com dívidas e devia a agiotas. O motivo da briga do casal e do assassinato estaria ligado a esses problemas financeiros.  Com informações do Bnwes.