Plantão Policial

Estado é condenado a indenizar homem que foi espancado após vaiar PM


O Estado da Bahia foi condenado a indenizar um homem que foi preso e espancado por policiais militares após vaiá-los. De acordo com o Jornal O GLOBO, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) vai indenizar a vítima com o valor de R$ 100 mil por danos morais.

O bahia.ba entrou em contato com a Polícia Militar, mas até o momento da publicação desta matéria não obteve resposta.

O caso ocorreu em 13 de dezembro de 2007, no município Itabuna. Ainda segundo o jornal, na ocasião, o homem teve a casa incendiada e acionou o Corpo de Bombeiros. A corporação chegou ao local da ocorrência, com um carro da Polícia Militar, cerca de duas horas após o chamado.

Por causa da demora, a vítima e vizinhos vaiaram tanto os bombeiros quanto os policiais, o que provocou a reação dos PMs.

A decisão da 2ª Câmara Cível do TJ-BA foi por unanimidade. De acordo com informações da TV Justiça, o colegiado entendeu que ficou comprovado que os policiais cometeram abuso de poder e agiram com extrema violência.

Os desembargadores destacaram que as agressões provocaram traumas na vítima. O homem perdeu parte da visão e passou a ter crises convulsivas. Com informações do Jornal da Globo.