Plantão Policial

Casal gay é atacado com barra de ferro por vizinho sargento da PM


Desde que o advogado João Augusto Maia, de 24 anos, e do namorado, Matheus Felipe Batista, de 36, se mudaram há pouco mais de um ano que a paz foi embora. Moradores do bairro Carlos Prates, em Belo Horizonte (MG), o casal é perseguido e xingado por um vizinho homofóbico.

Com o tempo, eles relatam que os ataques foram se intensificando, até que a situação ficou insustentável e eles decidiram que precisariam se mudar dali, após ameaças de um sargento da Polícia Militar de Minas Gerais, de 48 anos, e de sua esposa esposa. Segundo o casal, os agressores diziam que eles deveriam morrer e ir ao inferno por serem gays. Os episódios eram sempre repleto de xingamentos e declarações preconceituosas que aconteceu há três semanas.

No último domingo (13), eles contam que foram agredidos fisicamente pelo militar com uma barra de ferro. Matheus foi golpeado por todo o corpo antes de conseguir revidar e desarmá-lo. Com informações do Bnews.