Plantão Policial

Cientistas rotularam a nova variante da Covid-19 como "o diabo" após descobertas alarmantes

A nova variante do coronavírus da Califórnia parece ser mais mortal, propaga-se mais facilmente e pode debilitar a eficácia da vacina, alertam especialistas. Os cientistas rotularam a estirpe como "o diabo" após descobertas alarmantes, reporta o jornal The New York Times.

A variante foi apelidada de B.1.427/B.1.429 e foi registada pela primeira vez na Califórnia, nos Estados Unidos, durante o inverno no país. Tendo entretanto já sido identificada na Austrália, Dinamarca, México e em Taiwan.

Tal como acontece com qualquer nova variante, a californinana contém novas mutações acerca das quais os cientistas estavam cientesde que poderiam dar-lhe uma vantagem significativa relativamente à estirpe 'original' do vírus.

Os dados apurados ainda estão sendo estudados por cientistas - as conclusões ainda não foram divulgadas numa publicação científica e revistas pelos seus pares - e estão causando preocupação.

Para efeitos daquela pesquisa, os investigadores analisaram 2.172 amostras do vírus recolhidasno estado da Califórnia entre setembro de 2020 e janeiro de 2021.

Durante este intervalo de tempo, a variante tornou-se a cepa mais dominante, com casos causados pela mesma a duplicar a cada 18 dias, informou o The New York Times.

A publicação destaca que os estudos laboratoriais detectaram que a variante era "pelo menos 40% mais eficaz a infectar células humanas", comparativamente com outrascepas.

Charles Chiu, líder do estudo e virologistana Universidade da Califórnia, em São Francisco, disse ao LA Times: "o diabo já está aqui".

"Quem me dera que fosse diferente. Mas a ciência é a ciência."

Chiu e sua equipe de investigadores também analisaram 300 casos de B.1.427/B.1.429 de forma a determinar se mais pessoas morreram com essa estirpe em comparação com outras.E descobriram que o risco de morte era mais elevado.

Estudos laboratoriais também descobriram que os anticorpos no sangue de pessoas que tinham sido previamente infectadas com Covid ou vacinadas não funcionavam tão bem para matar a estirpe californianado coronavírus.

Chiudiz, no entanto, que são necessárias pesquisas mais amplas para determinar com precisão a gravidade associada àB.1.427/B.1.429.