Plantão Policial

VÍDEO: Mulher descumpre quarentena, morde guarda municipal e é detida; assista

Uma mulher foi presa por descumprir o decreto de isolamento social, que proíbe o uso de parques e praças na cidade de Araraquara, interior de São Paulo, estado que lidera os casos confirmados de coronavírus no país.

Segundo o site Bahia Notícias, ao ser abordada e orientada a retornar para a casa, a mulher insistiu em permanecer no local e agressivamente respondeu: "A Constituição está acima de qualquer decreto que for. Esse cirquinho de coronavírus não funciona comigo. Isso foi armado para implantar uma ditadura comunista. Comigo não funciona. Eu sou uma mulher livre". 

Além da recusa verbal, a mulher ainda agrediu agentes da Guarda Civil Metropolitana (GCM), chegando a morder um deles. Ela acabou algemada e conduzida a delegacia. Durante a ação, reiteradas vezes, a mulher chamava os agentes de "comunista dos infernos. Puxa saco do PT dos comunistas".  Assista: