Plantão Policial

PIS/Pasep já pode ser retirado com o valor atualizado de até R$ 1.045,00

Para quem ainda não sacou o abono salarial do PIS/Pasep, o mês de fevereiro é propício para ir atrás do benefício. Isto porque com o aumento do salário mínimo, que passou a R$ 1.045,00, o abono pago a partir deste mês também já vem reajustado com base no novo valor.

Quem tem direito
O PIS/Pasep é devido a quem trabalhou com carteira registrada por pelo menos 30 dias e que tenha recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos no ano-base de 2018. 

Para ter direito ao benefício, é necessário ainda ter cadastro no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos e ter seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). 

A cada mês trabalhado, são pagos R$ 88,00 (o equivalente a 1/12 avos do salário mínimo). Como exemplo, caso o trabalhador tenha atuado durante dois meses, receberá R$ 176,00. Se tiver exercido a função durante todo o ano, terá direito ao valor total do salário mínimo (R$ 1.045,00). 

O único lote ainda não liberado para retirada do abono salarial envolve os nascidos entre maio e junho (no caso do PIS) ou inscritos no Pasep com dígito final 8 e 9, que recebem a partir de 19 de março. 

Mas o prazo final para retirar as quantias, independentemente do mês de nascimento ou do dígito, vai até 30 de junho, mesmo para aqueles que já poderiam ter retirado o valor, mas ainda não efetuaram o saque.