Plantão Policial

Mulher morre após cair em poço durante busca de sinal de celular

Tragédia em Arraial d’Ajuda, litoral sul de Porto Seguro, na tarde deste sábado (09). 

Uma mulher de 22 anos, que se afastou do chalé; onde estava hospedada com o namorado, possivelmente em busca de uma área com melhor sinal de celular, acabou caindo em um poço abandonado de 15 de metros de profundidade.

Durante quase seis horas, uma equipe do grupamento de bombeiro militar tentou retirar Elissa Emily Figueiredo de dentro do poço, que fica em um terreno nos fundos do chalé. 

Os bombeiros contaram que conseguiram descer até o local e colocar uma máscara de oxigênio em Emily, para facilitar a sua respiração, mas ela teve uma crise de pânico, o que dificultou ainda mais o resgate.

No início da noite, a mulher foi retirada do poço e levada por uma equipe do Samu a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Arraial d’Ajuda, mas sofreu uma parada cardiorrespiratória algum tempo depois.

O poço estava desativado, coberto apenas com uma tampa de madeira podre. Também havia muito mato ao redor, por isso ela não deve ter visto o buraco, contou uma amiga.

A dona do Chalé Vila Maria, Márcia Alves de Souza, 55 anos, afirmou para a polícia que já havia vendido a área onde se localiza a cisterna, mas que não sabia o nome do novo proprietário. 

O local fica localizado na Travessa São João, fim da Rua Vista Alegre. Um inquérito vai ser aberto para apurar o caso.