Plantão Policial

IMAGENS FORTES: Pai mata traficante que vazou vídeo íntimo da filha, veja o vídeo

Um vídeo íntimo motivou um assassinato de um criminoso de São Luís, capital do Maranhão. As imagens de um jovem de 22 anos, tendo relações sexuais com uma mulher de 18 anos, começaram a circular em grupos de WhatsApp do estado, até que as imagens foram descobertas por ninguém mais, ninguém menos, que o pai da garota. 

Ao descobrir que foi o rapaz que decidiu publicar a gravação na internet, o pai, indignado e com raiva, o procurou e o executou com a ajuda de amigos. 

Outro vídeo, que mostra o momento da execução do suspeito também está sendo divulgado na internet. O rapaz executado foi identificado como Kleber Vieira Gama, um presidiário que estava foragido. 

O suspeito era procurado pelas autoridades por cometer crimes de estupro, tráfico de drogas e roubo. Junto com a informação de sua execução, imagens do rapaz segurando uma arma aparecem nas redes sociais.

O pai que localizou o criminoso faria parte de um grupo de extermínio do Maranhão, que seria conhecido como o G6. Durante a execução, que pode está em vídeo abaixo, os homens que atiram contra o suspeito fazem menção ao grupo. Outro fato que chama atenção é que o pai da ex-companheira do traficante atira diversas vezes contra o rapaz, mostrando toda raiva que estava sentindo.

A Polícia Civil do Maranhão procurava Kleber desde o último dia 12, quando mandados de prisão foram expedidos pela justiça. No entanto, as autoridades não estavam tendo sucesso até o momento em que encontraram o corpo em uma vala na cidade de Imperatriz. 

O cadáver do traficante estava sem as tatuagens. Tudo aponta que a motivação do crime foi o vídeo íntimo. No entanto, os policiais da região ainda afirmam ser cedo para confirmar com toda certeza que o pai da garota é o responsável pela execução.

Mesmo com o vídeo em mãos e o conhecimento de que o pai é o responsável, o caso ainda é tratado com muita cautela. O motivo para isso é porque Kleber contava com vários desafetos no mundo do crime. Por conta disso, as autoridades querem ter certeza absoluta na ação que tomarão a seguir. Veja o vídeo:
Com informações do Portal News24hs.