• Plantão Recôncavo News

    quinta-feira, 30 de novembro de 2017

    Homem condenado por crimes de guerra bebe veneno no Tribunal de Haia e morre; veja vídeo

    Ex-alto responsável das forças croatas da Bósnia, Slobodan Praljak, de 72 anos, morreu em um hospital de Haia após ingerir veneno na sala de audiência do Tribunal Penal Internacional para a ex-Iugoslávia (TPII). A informação foi divulgada pela agência oficial croata Hina, citada pela France Presse. 

    Durante o julgamento, ele afimou que rejeitava a condenação de 20 anos. De pé, ele abriu um frasco e bebeu um líquido que alegou ser o veneno. O advogado de defesa de Praljak afirmou que se tratava de veneno, levando a audiência à suspensão. 

    Slobodan Praljak já tinha sido condenado à prisão em 2013, por crimes cometidos em Mostar, na Bósnia-Herzegovina, e juntava-se esta quarta-feira (29) a mais cinco acusados para ouvir a decisão dos recursos finais. 

    O antigo general era acusado de não ter impedido homicídios e ataques a membros de organizações internacionais e a mesquitas e por perseguir, expulsar e assassinar muçulmanos entre 1992 e 1994. Veja o vídeo: