• Plantão Recôncavo News

    sexta-feira, 6 de outubro de 2017

    Correios voltam atrás e anunciam continuidade do Banco Postal

    Os serviços prestados pelo Banco Postal nas agências dos Correios, que estavam programados para ser encerrados a partir da próxima quarta-feira (11) em todo país, serão mantidos, de acordo com comunicado divulgado nesta quinta-feira (5) pela empresa. Na Bahia, o serviço seria suspenso em 440 unidades. "Os Correios e o Banco do Brasil chegaram a entendimento para a continuidade dos serviços do Banco Postal. 

    O acordo a ser formalizado entre as duas instituições permitirá encontrar solução para manter, até 31 de janeiro, o funcionamento de todos os pontos de atendimento do Banco Postal que seriam encerrados no dia 11/10. Nos próximos quatro meses, as duas instituições irão negociar alternativas para viabilizar a permanência da parceria", diz o comunicado da empresa. Não foi informado pelos Correios quando o acordo será formalizado. 

    A assessoria de imprensa dos Correios havia informado que os altos custos de manutenção e segurança tornam "inviáveis" os serviços do Banco Postal. Em todo o Brasil, os serviços deixariam de ser prestados em 1.827 agências da estatal em 12 estados. O Banco Postal é uma parceria com o Banco do Brasil que se vale da rede de atendimento dos Correios para a intermediação de serviços bancários básicos. 

    Em vários municípios, chega a ser a única opção de acesso bancário. Atualmente, o serviço é oferecidos em 440 unidades dos Correios na Bahia e 6.500 agências dos Correios em todo o país. Os trabalhadores dos Correios estão em greve desde a semana passada na Bahia e vão se reunir nesta quinta-feira (5), em assembleia, para decidir sobre a continuidade da paralisação. Fonte: G1.