• Plantão Recôncavo News

    sexta-feira, 22 de setembro de 2017

    Governo "culpa" Gisele Bündchen por baixa popularidade de Michel Temer

    A popularidade do presidente Michel Temer e de seu governo despencou drasticamente. É o que demostra uma pesquisa divulgada na terça-feira (19) pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) realizada em em conjunto com a MDA. Mas, segundo a coluna Estadão, a "culpa" pela baixa popularidade do presidente é de Gisele Bündchen. 

    O governo colocou na conta da modelo a nova queda de popularidade por causa das criticas ao governo pelo episódio da Reserva Ambiental do Cobre e não nas denúncias do então procurador-geral da República Rodrigo Janot, de que o presidente e e outros integrantes do PMDB faziam parte de uma organização criminosa e obstrução de Justiça. 

    O estudo aponta que 75,6% dos pesquisados desaprovam o governo, ante 44,1% em fevereiro; 3,4% têm avaliação positiva sobre a gestão do peemedebista, ante 10,3% em fevereiro. A desaprovação pessoal do presidente subiu de 64,2% em fevereiro para 84,5% em setembro, enquanto a aprovação caiu de 24,4% para 10,1%. O levantamento ouviu 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 unidades Federativas, das cinco regiões do país.