sábado, 29 de abril de 2017

Recôncavo News

Cão estava paralisado e ia ser sacrificado, então o veterinário descobre algo atrás da orelha

Não é muito normal ficarmos sem forças de repente. Algo em nossa saúde parece estar errado se isso acontecer. Pensamos o mesmo se isso também acontecer com nossos amiguinhos de quatro patas. Podem haver muitas justificações para a falta de energia. O pior é quando fazemos exames e nada se revela estar mal… Mas afinal o que poderá ser? Ollie é o canino de estimação de Al e Joelle Meteney. À pouco ele mal conseguia ficar de pé e caminhar.

Seus donos ficaram preocupados com sua condição repentina e decidiram levá-lo ao veterinário. Após uma análise, o veterinário não conseguia determinar o problema. O animal não tinha qualquer ferida interna ou externa. Nenhum tumor foi detetado em seu corpo. Ele simplesmente não tinha forças para ficar de pé, caminhar e fazer sua vida como até então. A família não queria ver seu patudo sofrer e decidiu, junto com o veterinário que a melhor solução seria a eutanásia. Pouco antes de adormecer Ollie, um estudante de veterinária descobriu algo atrás da orelha do cachorro.

Era um pequeno ponto preto que tinha escapado ao veterinário em sua análise. Um carrapato era o causador de todos os problemas do canino! Eles decidiram examinar “a pente fino” o animal para verificar se não haviam outros carrapatos, por isso o toscaram todo. Dez horas depois, Ollie estava como novo, ele até já estava correndo no jardim. Compartilhe com seus amigos para que ninguém mais leve seu patudo para a eutanásia, sem procurar todas as causas possíveis para o seu problema. Fonte.