• Plantão Recôncavo News

    quinta-feira, 16 de março de 2017

    Grupo Francês vence leilão do Aeroporto de Salvador com proposta de R$ 660 milhões

    O grupo francês Vinci vai administrar o Aeroporto Internacional Luís Eduardo Magalhães, de Salvador, pelos próximos 30 anos após vencer o leilão realizado na manhã desta quinta-feira (16) na BM&F Bovespa. Responsável pela administração de 35 aeroportos na Europa, África, Ásia e América Central, a Vinci Airports apresentou uma proposta de R$ 660,9 milhões em lance único.
    A oferta inicial exigida no leilão pelo aeroporto da capital baiana era de R$ 310 milhões, um ágio de 110%. Além do terminal aeroportuário de Salvador, o governo federal leiloou ainda outros três no Brasil. A alemão Fraport vai administrar os aeroportos de Fortaleza, com uma oferta de R$ 425 milhões, e de Porto Alegre, por R$ 290,5 milhões.
    Já a suíça Zurich arrematou o terminal de Florianópolis, com uma oferta de R$ 83 milhões. O grupo que vai administrar o aeroporto de Salvador é responsável por aeroportos em cidades como Lisboa, em Portugal, e Santiago, no Chile. Fonte: Bahia Notícias.