• Plantão Recôncavo News

    quinta-feira, 2 de março de 2017

    Ex-jogador de São Paulo, Grêmio e Fluminense, é preso pela Polícia Federal antes de partida

    Foto: ESPN.
    O jogador Souza, ex-São Paulo e Paris Saint-Germain (França), foi preso pela Polícia Federal em Brasília na tarde desta quinta-feira (2). O atleta, que atua pelo Brasiliense, foi levado para a superintendência da PF por crime tributário, após despacho da Justiça de Santos, São Paulo. O Brasiliense e o jogador afirmaram desconhecer a ação. O advogado do jogador deve se pronunciar sobre o caso até o fim do dia.
    Willans Souza foi contratado pelo clube de Brasília em novembro do ano passado e vinha atuando como titular ao longo do campeonato do DF. Ele estava relacionado como titular para a partida desta quinta, contra o Paracatu, no estádio Abadião, em Ceilândia. Porém, foi preso ainda no vestiário, pouco antes de entrar em campo. Segundo informações, Souza teria sido detido logo após o aquecimento da equipe.
    Mesmo sem a atuação do atleta, que atua como meia, o Brasiliense venceu a partida desta quinta-feira. O clube ganhou do Paracatu por um a zero. O gol do jogo saiu dos pés do zagueiro Welton Felipe, aos 38 minutos do segundo tempo. Campeão da Libertadores e Mundial pelo São Paulo, o veterano Souza atua pela primeira vez no futebol do Distrito Federal. Além de São Paulo e PSG, o meia de 37 anos traz no currículo grandes clubes como Grêmio, Fluminense e Cruzeiro. Fonte: G1.