quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Recôncavo News

Bebê de 11 meses tem rosto desfigurado por criança de 2 anos em berçário de creche

A Polícia Civil de Mato Grosso ouviu testemunhas entre segunda (30) e terça-feira (31) sobre o caso da bebê de 11 meses que teria sido agredida em uma creche particular em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. Segundo as testemunhas, a bebê foi mordida por uma criança de 2 anos que estava na mesma sala que ela. A menina, que ficou com hematomas no rosto, nas costas e no bumbum, chegou a ser internada por causa das lesões. 

Os pais da menina denunciaram o caso e registraram boletim de ocorrência. Segundo a delegada Lígia Silveira, responsável pela investigação na Polícia Civil, já foram ouvidas a proprietária da creche, a mãe da bebê e uma funcionária. A delegada também conversou com a mãe da criança de 2 anos e a própria criança. “A mãe da criança que agrediu o bebê disse que a filha tem o costume de agredir e morder.

Ela disse que a filha faz isso desde que o irmãozinho dela, que tem a mesma idade da vítima, nasceu. Ela tomou raiva e também chegou morder o braço da bebê anteriormente”, afirmou Lígia. 

A agressão no braço citada pela delegada ocorreu há algumas semanas e foi comunicada aos pais da vítima. A criança, apesar de ser pequena, confirmou à delegada que mordeu a colega da creche. 
As crianças estavam dormindo em colchões espalhados pelo chão. “A monitora nos disse que estava com as crianças na sala do descanso, onde todas dormiam, e saiu para atender uma criança que estava com febre. 

Ela disse que chamou outra [funcionária] para ficar no lugar, num intervalo de seis minutos. Quando [a funcionária] chegou, a criança de dois anos já estava batendo nela, tinha tirado a fralda e estava mordendo”, disse a delegada. Fonte: G1.