terça-feira, 29 de novembro de 2016

Recôncavo News

Filho de Caio Júnior não embarcou porque esqueceu passaporte

Matheus Saroli, filho do técnico paranaense Caio Júnior, relatou, na manhã desta terça-feira (29) em uma publicação no Facebook, que estava em São Paulo e que não embarcou no mesmo avião que o pai porque esqueceu o passaporte. Caio Júnior, que dirigia a Chapecoense, é uma 76 das vítimas do acidente com o avião que levava o time para a Colômbia, na madrugada desta terça-feira. A lista oficial com o nome de todos os mortos ainda não foi divulgada.
Cinco pessoas sobreviveram à tragédia: os jogadores Alan Ruschel, o goleiro Follmann, o jornalista Rafael Henzel e os comissários de bordo Erwin Tumiri e Ximena Suarez. O goleiro Danilo Padilha, que é de Cianorte, na região noroeste do Paraná, também tinha sido resgatado com vida do local do acidente. No entanto, ele não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital nesta manhã. Veja a postagem:

Fonte: Jornal O Globo.