quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Recôncavo News

Parentes dos prefeitos de Muritiba e Santo Amaro são presos em operação da Polícia Federal

Em mais uma etapa da Operação Adsumus, deflagrada nesta terça-feira (11), dois nomes de parentes de políticos estão na lista do Ministério Público do Estado da Bahia: a filha do prefeito de Muritiba, Roque dos Santos, Lorena Reis Cerqueira dos Santos, e do irmão do prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT), Bruno Antônio Moreira Cardoso Carmo. Bruno está preso e Lorena prestou depoimento.

Eles e mais oito pessoas são acusadas de cometer os crimes de lavagem de dinheiro, fraudes em processos licitatórios e associação criminosa. O MP ainda constatou a existência de associação criminosa gerida pelo secretário de Obras de Santo Amaro, Luis Eduardo Pacheco, e do vice-prefeito, Leonardo Pacheco, que foi candidato a prefeito do município na última eleição. Eles facilitavam processos licitatórios para empresas já determinadas. As empresas investigadas na operação movimentaram cerca de R$ 370 milhões.

O irmão do prefeito é um dos beneficiários das empresas Cerqueira Santos Construções e Serv Bahia que participaram de licitações em Santo Amaro. Já Lorena é representante de uma das empresas investigadas na Operação. Conforme documento obtido pelo reportagem, ainda estão envolvidos nos crimes Paulo Sérgio soares Vasconcelos, Roberto José Oliveira Santana, Kaio Thadeu Esquivel Santos, Jacksonely Batista da Silva, Munique Ferreira G. do Carmo, Alencar Estrela Lopes, Luiz Leal dos Santos e Viviane Ramos de Oliveira. Estão foragidos Paulo Vasconcelos e Roberto Santana, bem como Luiz Leal e Jacksonely Batista. Fonte: Bocão News.