sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Recôncavo News

Mulher confessa em vídeo como matou marido PM, 'Destravei e dei um tiro nele, na cabeça'

Ellen Federizzi confessou, em vídeo divulgado pela Polícia Civil, que matou o marido, o policial militar Rodrigo Federizzi, com um tiro na cabeça. O crime aconteceu no dia 28 de julho, em Curitiba e para os investigadores, ela é a principal suspeita de ter cometido o crime. "Eu peguei a pistola em cima da cama, eu destravei ela e dei um tiro nele, na cabeça", conta Ellen na gravação. Segundo a mulher, ninguém a ajudou para cometer o crime. O corpo do policial foi encontrado esquartejado no dia 14 deste mês, de acordo com o G1.
Antes mesmo de o corpo ser encontrado, a polícia encontrou manchas de sangue na casa da família, quando foram buscar pistas sobre o desaparecimento do policial e, por esta razão, Ellen foi presa. Desde então, a polícia passou a suspeitar de que era ela quem havia matado o marido. Pela versão da mulher, o marido havia ameaçado interná-la em um hospital psiquiátrico e as brigas entre eles eram constantes. Ellen ainda contou que estava sozinha no momento do crime. "A autoria direta e imediata de Ellen Federizzi, essa é indubitável. Se houve um terceiro, ao que se tem, pode ter sido indireta [a participação], mas isso ainda vai ser apurado nas próximas diligências", disse o secretário de Segurança Pública Wagner Mesquita. Assista o vídeo: