quarta-feira, 13 de julho de 2016

Recôncavo News

Mãe é presa após dopar filha deficiente para namorado estuprar

Uma mulher, de 35 anos, foi acusada de dopar a própria filha de 14, portadora de deficiência mental e visual, para que o namorado a estuprasse. O crime que aconteceu na Zona Norte de Manaus, chocou até a delegada Juliana Tuma, responsável pelo caso.
O acusado, Rogério Correa de Lima, 27, teria praticado os estupros em sua própria casa com o consentimento da companheira. Segundo a delegada, a Vara de Crimes contra Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes, expediu os mandados de prisão para a mãe e o namorado, que também já foi encaminhado para o presídio.
Laudos do Instituto Médico Legal, mensagens do casal pelo Whatsapp acertando os locais e horários dos estupros, e, o depoimento e confissão da acusada, constam como provas do crime no inquérito policial. No entanto, Rogério negou ter praticado os abusos no seu depoimento, alegando que mãe e filha só foram na sua casa uma vez para visitá-lo. Ainda de acordo com a delegada, a mãe da garota aceitava os abusos, para que o namorado continuasse ao seu lado. Fonte: Bocão News.