sábado, 11 de junho de 2016

Recôncavo News

Jovem é torturada e morta com uma espada pelo namorado


Uma jovem de 24 anos foi morta em um rancho em Miguelópolis, no interior de São Paulo, na quarta-feira (8). Segundo a Polícia Civil, o suspeito pela morte da promotora de vendas é o namorado dela, de 36 anos, que está foragido. Uma espada usada pelo suspeito foi apreendida. Segundo a polícia, os dois se conheceram há sete meses em Ribeirão Preto (SP), onde ambos moravam. Eles foram passar a semana no rancho, mas na madrugada de quarta começaram a se desentender.




A polícia diz que a jovem foi agredida pelo namorado com a espada até morrer. O caseiro e a mulher chegaram a ouvir gritos, mas não imaginaram que era algo sério. “Parece que o relacionamento deles não estava indo muito bem. Eu não sei se foi ciúmes, se ele desconfiou de traição. Mas, ele a torturou demais. Foi uma morte muito estúpida. Ele a agrediu por três horas pelo menos”, disse ao G1 o delegado Paulo de Castro Cervantes.





Pela manhã, o suspeito foi até o caseiro e disse que a namorada estava passando mal, pedindo que ele levasse Bruna até o pronto socorro. Já na unidade de saúde, a morte da jovem foi constatada. Enquanto Bruna era socorrida, um amigo do suspeito foi até o rancho e os dois fugiram juntos, depois de limpar o local. "Tinha vômito, ele limpou. Tinha sangue, ele limpou. Só que mesmo assim a perícia constatou tudo isso", diz o delegado. A jovem tinha hematomas e cortes e vai passar por perícia para determinar causa da morte. Fonte: G1.