segunda-feira, 2 de maio de 2016

Recôncavo News

Universitária é encontrada morta em porta-malas de carro do namorado

A universitária Yrna de Sousa Castro, 27 anos, foi encontrada morta com sinais de overdose dentro de um veículo de luxo na madrugada deste domingo (1º), em Fortaleza, capital do Ceará. 
De acordo com informações do 'G1', o veículo pertencia ao namorado da universitária. Ele foi indiciado por ocultação de cadáver, pois manteve o corpo da mulher por mais de 12 horas dentro do automóvel sem comunicar à polícia. Em depoimento, ele confessou que ela morreu na madrugada de sábado (30), dentro do apartamento dele.
Após a morte da universitária, o homem, que é empresário, colocou o corpo dela dentro do automóvel Mercedes Benz e não informou nem à família, nem à Polícia sobre a morte. Apenas horas depois do ocorrido, ele procurou uma delegacia, acompanhado de seus advogados, e relatou o fato. Ao fim do depoimento, ele foi liberado porque se apresentou voluntariamente. 
De acordo com a Polícia Civil, a universitária não tinha marcas de violência e nenhuma perfuração. Em depoimento, o empresário afirmou que os dois fizeram uso de entorpecentes durante a madrugada de sábado, após saírem de uma festa. O empresário vai aguardar a conclusão do inquérito em liberdade.