sexta-feira, 27 de maio de 2016

Recôncavo News

Por que não se deve espremer espinhas? Saiba o motivo

O melhor a fazer quando lhe aparece uma espinha e deixá-la sumir sozinha. Já deve ter ouvido este conselho inúmeras vezes, mas quais os motivos para não espremê-la? Simples: quando a espinha é pressionada, liberta um fluido de infecção que se espalha e pode fazer com que outras espinhas apareçam. Como destacam os dermatologistas do St. Vincent’s Hospital Melbourne, espremer uma espinha até pode aliviar a dor e melhorar o aspecto desta, “mas só ganha a batalha, não a guerra”.



Além de poder contaminar a pele em volta e dar origem ao surgimento de mais espinhas, pode provocar infecções na pele e escurecer a região temporariamente. Espremer as espinhas também só vai irritar ainda mais a pele, podendo dar origem a marcas. Caso consiga resistir à tentação de espremê-las, elas simplesmente vão desaparecer, sem deixar marcas. Existem ainda medicamentos com antibióticos e anti-inflamatórios na fórmula, que podem fazer com que ela seque em poucas horas. Fonte: NM.