sexta-feira, 27 de maio de 2016

Recôncavo News

Polícia identifica quatro suspeitos de estupro coletivo; um deles trabalhou na Globo

A Polícia Civil já identificou quatro dos 33 suspeitos de estuprar a jovem de 16 anos no Rio de Janeiro. De acordo com o Jornal Nacional, quem divulgou a imagem do abuso foi Marcelo Miranda da Cruz Correa, de 18 anos, e Michel Brazil da Silva, de 20 anos. Já Perdomo Duarte Santos, de 20 anos, é o rapaz com quem a adolescente namorava e tem participação direta no crime, de acordo com a investigação.

Outro homem que teria participado do estupro coletivo é Raphael Assis Duarte Belo, de 41 anos, que aparece nas imagens ao lado da garota. Raphael já trabalhou como operador de câmera nos estúdios Globo, de onde foi desligado em 2015. As informações são do jornal O Globo.

A jovem de 16 anos que teria sofrido um estupro coletivo fez exames nesta quinta-feira (26) em um hospital do Rio de Janeiro. De acordo com a avó da adolescente, ela desmaiou durante os abusos. “O vídeo é chocante, eu assisti. Ela está completamente desligada. Ela tem umas coleguinhas lá, mas nessa hora nenhuma apareceu”, disse em entrevista a uma emissora de rádio. Fonte: Varela Notícias.