quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Recôncavo News

Feira de Santana: Homens são presos após realizar festa com garotas de 12 e 13 anos

Quatro homens foram conduzidos pela Polícia Militar para o Complexo de Delegacias de Feira de Santana na manhã desta quinta-feira (25), após terem passado à noite com quatro adolescentes, sendo duas de 12 e 13 anos, em uma residência da Rua Ipiúna, no bairro Sítio Matias, em Feira de Santana.

Um deles foi liberado, dois foram autuados em flagrante por estupro de vulnerável e um por corrupção e entrega de bebida alcoólica para menores. A delegada Milena Calmon, titular da Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI), informou que elas estavam participando de uma festa na residência e que a PM foi acionada por vizinhos que ouviram os gritos durante à noite.

“A festa ocorreu como antecipação do aniversário de um deles. A festa iria acontecer no sábado, mas já estavam levando algumas bebidas para a casa e resolveram chamar as meninas. Elas disseram que fizeram uso de bebida alcoólica e se relacionaram com os homens que estavam na casa. 

A Polícia Militar foi acionada pela vizinhança que afirmou ter ouvido gritos de socorro. Durante a madrugada os policiais realizaram diligências, mas só localizaram a residência hoje pela manhã e flagraram todas estas pessoas dentro de casa: quatro homens maiores de idade e quatro garotas menores” relatou.

Um dos envolvidos confirmou que não teve relação sexual, apenas beijou uma das adolescentes que já tinha mais de 14 anos. Ela foi ouvida, disse que não foi forçada e que não houve uso de violência nem grave ameaça contra ela e que apenas quis namorar com ele. Diante da afirmação, ele foi liberado.

 “As duas vulneráveis, de 12 e 13 anos, insistiram em dizer que namoraram com os acusados, mas não tiveram relação sexual, porém a delegada explica que houve de fato o estupro, de acordo com o Código Penal.

“Elas afirmaram categoricamente que ficaram com os dois indivíduos, insistiram em dizer que não tiveram relação, mas que namoraram com eles à noite. Elas foram encaminhadas ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) e serão submetidas a exames de praxe. 

Vale ressaltar, por motivos de esclarecimento, que o estupro de vulnerável não necessita do ato sexual consumado em si. Qualquer tipo de carícia, beijo, abraço, ou atos libidinosos, são suficientes para que as pessoas flagranteadas sejam autuadas pelo crime de estupro de vulnerário (menores de 14 anos)”, informou a Delegada.

Ela disse também que, por volta de 8h, a polícia entrou em contato com os responsáveis pelas meninas e que dois deles foram pegos de surpresa no momento em que souberam que as filhas estavam na delegacia. “Desde ontem à noite eles estavam procurando por elas sem notícia. 

Tadson tem 32 anos e já responde por estupro de vulnerável. Ele foi acusado de abusar de uma criança de 10 anos, há quatro anos. Ontem, ele forneceu bebida alcoólica e teria marcado encontro com os quatro amigos levando as quatro meninas para lá. Ele não praticou estupro de vulnerável, mas diante disso ele está sendo autuado por outros dois crimes: corrupção de menores e entrega de bebida alcoólica”, ressaltou.

Tadson Santos Oliveira, 34 anos, dono da casa, Nilton Santos Andrade, 21, e Willian Santana dos Santos, 21, foram encaminhados para o Conjunto Penal de Feira de Santana. Eles foram presos por policiais da 65ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). Fonte: Acorda Cidade.